quinta-feira, janeiro 10, 2008

Brand New Day

Tiraram-lhe a Mary Jane e a hipótese de ter um filho (ou o filho já existia? não sei. a história é intrincada e longa, e já me chega manter-me a par dos X-men). Reavivaram-lhe a Tia May, que agora é independente e cheia de genica (e a minha mão esquerda como também é web 2.0, RSS feeder e podcaster). Trouxeram o Harry Osborn de volta da Europa (sabiam que ele tinha estado no velho continente estes anos todos? eu também não, julgava-o morto. mas aparentemente qualquer um de nós podia ter esbarrado com ele ao virar de uma esquina). E a sua identidade voltou a ser secreta!!!
Resumindo, o pessoal da Marvel deu cabo de 20 anos de história do Homem-Aranha, sem dar cavaco a ninguém. Reciclando o Peter Parker a um estado pré-matrimonial, pós-faculdade, sem dinheiro (as usual!) e com os problemas existenciais que tinha nos anos 80. Os fãs estão enraivecidos com esta decisão de Joe Quesada. Eu também! Ou não!? Espera, quem é mesmo o Homem-Aranha?

Em Janeiro, nas bancas americanas - Brand New Day.

8 comentários:

O Puto disse...

Deixei de acompanhar os comics da Marvel quando entrei para a faculdade, mas durante a minha adolescência era um fervoroso fã, especialmente dos X-Men. Lia as edições brasileiras e, já em finais de 80, as portuguesas. Acho curiosa uma certa distorção temporal e situacional quando se adaptam estas histórias ao cinema. Curiosamente, o Homem-Aranha nunca foi dos meus favoritos.
Deixa ver se entendo: os criativos da Marvel fizeram tábua rasa a 20 anos de história do herói?
Outra coisa que nunca entendi muito bem: os anos não passam pelos super-heróis. Se passassem, muitos deles deveriam ter para cima dos 50 anos, não?

Provavelmente Talisca disse...

Caro Marinheiro:

O que esperavas?
O desfiar de verdades fantásticas?
O apreço pela dedicação dos consumidores?
Papa cerelac?
Bom, papa cerelac ainda é possível...

O Homem Aranha teve um recomeço... Já não é o primeiro e eles estão-se nas tintas...

Um abraçãooo!

Debbie Harry disse...

Eu tive uma panca pelo Homem-Aranha...

Randomsailor disse...

puto: sim basicamente foi isso. Puseram o mefisto ao barulho, uma escolha moral (a salvação da Tia May) e zap!, 20 anos de comics deixaram de ser importantes...
Eu, o coleccionismo começou aos 12 anos e ainda não acabou, :P, mas sou muito mais x-men do que outra coisa qualquer, é a minha soap opera favorita.
Quanto aos filmes, normalmente acontece isso, adequa-se velhas histórias aos novos tempos.
Relativamente à passagem do tempo, já nem me preocupo com essa questão. No caso do Homem-Aranha, a morte da Gwen Stacy foi ontem...

Abraço!

talisca: vá, tira-me tudo menos a minha fé na papa cerelac! ok?
Também estou-me nas tintas para o Homem-Aranha. ;)

debbie: não estás sozinha! Há por aí, muito boa gente com uma panca no Peter Parker...

gonn1000 disse...

Para o que havia de lhes dar... Então não havia já o Ultimate Spider-Man para os novatos? Ou aquelas edições tipo "The Early Years" e afins? Eu logo vi que depois da Civil War ia ser difícil manter a personagem assim, mas não esperava que tivessem uma iedia tão parva. Heroes Reborn, voltem que estão perdoados.

Randomsailor disse...

gonn: Loll, e olha que os Heroes Reborn, já naquela altura, eram difíceis de engolir...:P As más linguas dizem que o Joe Quesada quer transformar a Marvel como era quando ele era um teenager...

iraci disse...

Realmente Joe Quesada errou feio com os fás de Homem-Aranha. Irônico que o super-herói de maior sucesso até hoje, também seja o super-herói com os maiores foras em se tratando de história. Joe Quesada conseguiu superar a terrível saga do Clone, não é para qualquer um fazer uma história tão ruim.

Há... e respondendo a dúvidas dos outros comentários: Os heróis não tem mais de 50 anos. Nas HQ's cada 100 edições (por exemplo, Homem-Aranha #1 à #100) equivale a aproximadamente um ano. Ou seja Homem-Aranha está por volta da edição 550, então se passaram cinco anos e meio desde que ele ganhou os poderes e virou herói. Ele ganhou poderes aos 18 anos, no fim do colegial, então atualmente ele tem por volta de 23 anos. Isso porque seria estranho esses heróis envelhecerem rápido, além disso, seria ainda mais estranho terem apenas uma aventura por mês (pois as revistas são liberadas uma vez ao mês).

Espero ter ajudado... Falou...

Chris disse...

Tenho 28 anos e desde os meus 8 que acompanho o Homem-Aranha... Penso mesmo que sou o maior fã dele, lol! Compro tudo o que seja relativo a ste personagem e encomendo a banda desenhada directamente dos estados unidos. Tenho que concordar que essa decisão do Joe Quesada é um pouco desrespeitosa para os fãs. Mudar as coisas de repente, só por que lhe apeteceu. Mas também percebo a posição dele (e da Marvel). Afinal, eles meteram-se num buraco de onde não sabiam fugir. Desvendaram ao mundo a verdadeira identidade do Homem-Aranha durante a saga "Guerra Civil". E isso significa o fim do Homem-Aranha. Pelo menos do modo que os fãs o adoram. Então esta foi a maneira mais fácil de lhe devolver a identidade secreta. Com isso, aproveitaram para devolver a aura das histórias dos anos 60 e 70, em que ele é solteiro e não tem muito dinheiro. Confesso que gosto desta nova fase, porque acho que ultimamente faziam histórias que não respeitavam a grandiosidade e a magia deste grande super-herói. O melhor do mundo...

Um abraço!